Petrópolis, 08 de Agosto de 2020.
Matérias >> Legislação >> Legislação Federal
   
  Iphan planeja tombamento de novos pontos

Data: 05/05/2011

Iphan planeja tombamento de novos pontos

 

            Pelo menos cinco novos pontos de relevância histórica ou cultural na cidade deverão ser tombadas em breve pelo município. As propostas apresentadas aprovadas para o tombamento municipal do Museu Casa do Colono, Belvedere, Parque Cremerie, Viaduto da Grota Funda e Hotel Majestoso foram apresentadas em reunião do Conselho Municipal de Tombamento, realizada anteontem na sede da Secretaria Municipal de Planejamento. “Há muito tempo o conselho não se reunia. Este trabalho agora foi retomado e teremos uma agenda com uma reunião mensal. Este primeiro encontro do conselho foi positivo. Foram apresentadas propostas para estes cinco novos tombamentos, que estão sendo encaminhados ao gabinete do prefeito Paulo Mustrangi. Outro ponto interessante foi que dois filmes desenvolvidos por alunos de uma escola pública da cidade sobre perdas culturais mostraram os cinemas. Isso despertou a atenção da Prefeitura, que está propondo também  o tombamento emergencial dos cinemas Capitólio, Petrópolis e Miragem e dos teatros Santa Cecília e Mariano. A AMA-Centro Histórico considera esta medida muito importante”, disse o representante da AMA-Centro, Miryam Born.

            Entre os pontos que devem ser tombados está o Museu Casa do Colono, construído em 1847  na região da Castelânea. A Casa do Colono guarda, em seu acervo, utensílios domésticos, fotografias e objetos pessoais usados pelos pioneiros na construção da cidade. Os cômodos que chamam mais atenção são a oficina e a cozinha, com seu fogão a lenha, o batedor de manteiga, as fôrmas para a feitura do famoso pão alemão, a máquina manual para fazer chucrute, entre outras preciosidades. A construção data de 1847 e foi erigida no então Caminho Colonial (atual Rua Cristóvão Colombo), por Johan Gottlieb Kaiser. Transformada em museu em 1976, a Casa do Colono remete à adaptação vivida pelo imigrante para viver em terras brasileiras.

            Outro ponto que deverá ser tombado pelo município é o Parque Cremerie, que está localizado em área de preservação ambiental. Com 47 mil metros quadrados, o parque dispõe de playground, quadras esportivas e pedalinho. O local guarda áreas de mata atlântica, que chamam a atenção dos visitantes. No local funcionou a antiga fábrica de queijos de Jules Buisson. Em 1845, ele fundou a Cremerie Buisson, cujos produtos eram conhecidos em todo o Brasil graças à sua excelente qualidade.

            O Iphan possui cadeira no Conselho Municipal de Tombamento e com isso acompanha o desenvolvimento dos processos de tombamento municipais. “Mesmo não estando em nossa instância, o Iphan apóia essa iniciativa louvável da Prefeitura de proteger bens muito importantes na referência cultural da comunidade petropolitana”, finalizou.

 

 

Fonte: Tribuna de Petrópolis, 30 de abril de 2011




 

 

DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS