Petrópolis, 11 de Julho de 2020.
Matérias >> IPGPar: Plano Estratégico de Petrópolis - PEP20 >> GT4 - Desenvolvimento Econômico
   
  Serratec faz balanço e empresas seguem otimistas com o mercado

Data: 08/12/2019

 

Serratec faz balanço e empresas seguem otimistas com o mercado

Tribuna de Petrópolis

 

Em um balanço exclusivo para a Tribuna, o Serratec mostra que seus principais objetivos foram conquistados em 2019. Para o presidente da entidade, Marcelo Cariús, a conquista do CNPJ e o programa de residência criado neste ano são dois dos principais avanços conquistados na região e faz previsões otimistas para o ano que vem, mesmo diante de um cenário de incerteza econômica.

Cariús destacou, sobretudo, o período de aprendizagem para o setor da Tecnologia da Informação em Petrópolis vai muito além da criação do Serratec, já que como uma instituição oficialmente reconhecida como pessoa jurídica, se tornou possível a criação de projetos de âmbito regional, assim como a aproximação dos empresários num objetivo único: preparar Petrópolis para os avanços tecnológicos, que devem mudar a cara econômica para as próximas décadas.

Ao traçar uma linha do tempo para chegar ao que é o Serratec hoje, Marcelo explicou que houve um período importante de aprendizado, na qual há 16 anos havia sido criado o Petrópolis Tecnópolis, em que segundo ele, os erros e acertos resultaram em experiências fundamentais para a solidez do processo de gestão atual.

“Podemos dizer que, nos últimos cinco anos, o movimento Petrópolis Tecnópolis teve gargalos. Mas aprendemos com eles. Por 16 anos, esse movimento deixou um enorme legado para que hoje pudéssemos avançar nas políticas do setor. Hoje, estamos em um momento diferente”, contou ele.

O programa de criação de mão-de-obra, entretanto, é a menina dos olhos do Serratec – um passo no sentido de preencher, com profissionais de TI, as vagas que tanto as em - presas locais e da Região Serrana necessitam. Este projeto busca proporcionar uma imersão no ensino de tecnologia, combinando conhecimento teórico com atividades práticas, para que o aluno se torne um profissional completo, aplicando os conhecimentos em projetos reais, concedidos pelas empresas parceiras.

Outra vitória destacada pelo Serratec se refere à liberação do edital de 2015, da Flupec, na qual será anunciada em 2020 e a enti - dade será contemplada com a liberação de R$ 6 milhões, cujos recursos transformam a Região Serrana em um Hub de inovação, ao criar um espaço voltado princi - palmente para empreendedores criarem serviços ou produtos transformadores. Esses jovens empreende - dores criam startups com modelo de negócio repetível e escalável, e em muitos casos construindo soluções inovadoras.

Com parceiros como a Faperj, Firjan e a Secretaria de Estado, o Serratec vai comemorar em um evento que será realizado no Teatro Municipal, em cerimônia que contará com diversas autoridades e empresários do setor da tecnologia da Região Serrana e da capital fluminense.

“A liberação do edital é uma vitória muito importante para todos nós, que almejamos muito isso há anos e agora teremos os recursos liberados para uma série de programas. O trabalho feito pelo Serratec, Secretaria de Estado, Firjan e Faperj resultou nesse ponto positivo que ajudará a colocar toda a região em um polo de desenvolvimento”, finalizou Cariús.



Fotos:
DADOS MUNICIPAIS
Retrospectiva 2019


 

 

DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS