Petrópolis, 26 de Maio de 2020.
Matérias >> IPGPar: Plano Estratégico de Petrópolis - PEP20 >> GT2 - Saúde
   
  Prefeitura anuncia pacote de medidas de prevenção ao novo coronavírus

Data: 14/03/2020

 

Prefeitura anuncia pacote de medidas de prevenção ao novo coronavírus

JANAINA DO CARMO - Redação Tribuna de Petrópolis


Para prevenir a disseminação do novo coronavírus, a Prefeitura anunciou na tarde de ontem, uma série de medidas que serão tomadas como forma de prevenção, entre elas o fechamento por 15 dias das unidades escolares da Rede Municipal e o adiamento dos grandes eventos públicos que aconteceriam neste fim de semana, entre as solenidades oficiais pelo aniversário de Petrópolis no dia 16 de Março.

“As medidas são duras, mas é uma forma de prevenção. É importante que a população evite aglomerações”, disse o prefeito Bernardo Rossi. O anúncio foi feito em entrevista coletiva que contou com a presença da Secretaria de Saúde Fabíola Heck e especialistas da área de saúde.

“Vamos continuar seguindo as orientações do Ministério da Saúde e do governo do Estado e avaliando a situação dia a dia”, ressaltou o prefeito.

Além do Deguste, que aconteceria ontem e hoje, foram adiados o Petrópolis Sommer Festival, a comemoração aos 30 anos da Comunidade Católica Jesus Menino e a entrega do Título de Cidadão Petropolitano realizado pela Câmara. O parque de diversões que está montado em Itaipava também ficará fechado. A Prefeitura também anunciou mudanças no funcionamento do Restaurante Popular, que a partir de terça-feira passará a oferecer as refeições em quentinhas.

“Os idosos é o público mais frágil dessa pandemia e como 90% dos usuários do restaurante é de pessoas acima de 65 anos, essa medida é importante”, explicou Bernardo Rossi. Outra medida anunciada é a antecipação de 25% do décimo terceiro salário para os aposentados do Inpas, que também receberão kits contendo material de higiene (como álcool gel) e uma cartilha com orientações sobre as formas de prevenção. 

A Prefeitura também suspendeu cirurgias eletivas que são realizadas no HAC, em Corrêas. O objetivo é garantir os leitos necessários para os casos mais graves da doença.

Missas são mantidas - A assessoria de imprensa da Mitra Diocesana de Petrópolis informou que as missas estão mantidas e que, até o momento, não há recomendação para a suspensão dos atos religiosos. Apenas os eventos estão cancelados.

Seis casos sendo investigados - A cidade conta com seis casos suspeitos sendo investigados e que, até o momento, não há nenhuma confirmação de contaminação pelo novo coranavírus. Em todo o Estado são 19 casos confirmados e no Brasil, até o fim da tarde de ontem, havia 98 confirmações. De acordo com o governo do Estado, o pico da doença deve acontecer em até quatro semanas em todo o Rio de Janeiro. A orientação da Prefeitura para quem apresentar problemas respiratórios e demais sintomas da doença é seguir para o ponto de apoio que será montado na UPA do Centro. O espaço vai funcionar 24 horas por dia e os atendimentos serão realizados pelas equipes do Samu.


Universidades e escolas suspendem aulas por 15 dias

Diante da grande possibilidade do aumento nos casos do COVID-19, as unidades de ensino de todo Estado, públicas e particulares, ficarão fechadas por pelo menos 15 dias. A medida é em decorrência de um decreto anunciado ontem, pelo governador Wilson Witzel. Além das aulas, eventos de qualquer natureza, que envolvam aglomerações, estão proibidos. O prefeito Bernardo Rossi recebeu ontem representantes de instituições de ensino da rede privada – creches, escolas e universidades. Na ocasião, Bernardo Rossi apresentou o plano de contingenciamento que está sendo colocado em prática pela Prefeitura. O decreto do governador Wilson Witzel, prevê medidas temporárias de prevenção ao contágio e enfrentamento de emergência em saúde pública estadual e internacional decorrente do novo coronavirus no âmbito do Estado.

O decreto suspende por 15 dias as aulas, sem prejuízo da manutenção do calendário recomendado pelo Ministério da Educação nas unidades da rede pública e privada de ensino, inclusive nas unidades de ensino superior.

Universidades - A UERJ informou que em virtude do decreto suspenderá as aulas a partir da próxima segundafeira, por 15 dias. Apesar disso, as atividades administrativas ficam mantidas A Universidade Federal Fluminense (UFF), disse que decidiu adiar por uma semana o início do período letivo que ocorreria na próxima segunda-feira. A Universidade Católica de Petrópolis informou que suspendeu as aulas da Universidade, do Colégio de Aplicação e da Escola de Música UCP por 15 dias, a contar da próxima segunda-feira. O Cefet informou que suspendeu as aulas e demais atividades de ensino, pesquisa e extensão, de segunda-feira até o próximo sábado (21). A FMP/Fase e a Estácio também suspenderam as aulas por 15 dias. As aulas de todo o sistema Fecomércio, que inclui Senac e Sesc também foram suspensas.


Firjan elabora programa para proteger empresas

Com o agravamento da pandemia do coronavírus, que pode levar à desaceleração da economia no país e no mundo, a Firjan elaborou o “Programa de Apoio à Resiliência Produtiva”, com propostas para a manutenção da saúde financeira das empresas e para a preservação dos postos de trabalho. O documento será encaminhado ao governo federal.

A federação pede a prorrogação do prazo para pagamento dos tributos federais, diante da dificuldade das empresas na geração de fluxo de caixa. Entre esses impostos estão o PIS, Cofins, IPI, Simples Nacional, IRPJ e CSLL lucro presumido. A Firjan pede também a ampliação imediata de linhas de crédito existentes do BNDES, especialmente para pequenas e médias empresas, com a criação de uma linha dedicada, com características parecidas as da “Disater Assistance”, criadas nos EUA.

Como ações para manutenção dos empregos, federação sugere flexibilização provisória e emergencial dos custos trabalhistas, com desburocratização para adoção do trabalho remoto, de férias compulsórias e coletivas.


Delegacias da cidade terão atendimento reduzido

O atendimento nas duas delegacias de Polícia de Petrópolis – 105ª (Retiro) e 106ª (Itaipava) – também serão priorizados devido a pandemia do cornavírus. De acordo com o governo do Estado pelo prazo de 15 dias apenas casos mais graves serão registrados presencialmente, os outros devem ser feitos pela internet.

Apenas roubos de veículos, homicídios e remoções de cadáver, autos de prisão em flagrante e casos em que possa ocorrer o perecimento da prova serão atendimentos nas unidades. A recomendação do governo do Estado é que os outros crimes sejam registrados online.


Empresas de ônibus vão reforçar higienização

O Setranspetro informa que todas as empresas de ônibus em Petrópolis estão intensificando, através de suas equipes de limpeza, o trabalho de higienização de toda a frota diariamente. Com o surgimento do Coronavírus é necessário que cada cidadão seja responsável por manter seus cuidados pessoais de higiene e prevenção, evitando a contaminação do vírus.

O Setranspetro e as empresas de ônibus estão orientando aos colaboradores a adoção de práticas de prevenção, assim como a diminuição do contato com os passageiros. Com relação aos clientes, é preciso que todas as janelas dos ônibus fiquem abertas durante todo esse período.

Além disso, o sindicato sugere a necessidade de que as autoridades dos mais variados segmentos e serviços econômicos pensem em uma organização sistemática alternativa de liberação de entrada e saída de pessoas em diferentes horários, evitando assim a aglomeração destes nos pontos de ônibus e nos coletivos.




 

 

DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS