Petrópolis, 22 de Abril de 2024.
Matérias >> Outras Instâncias de Poder
   
  BR-040 tem um dos trechos mais perigosos do Rio

Data: 22/12/2011

 

Estudo da Polícia Rodoviária Federal mostra que a Estrada Rio-Petrópolis-Juiz de Fora (BR- 040) tem um dos trechos mais perigosos entre as rodovias federais que cortam o Estado do Rio. O ponto mais crítico na estrada fica na Baixada, entre os quilômetros 105 e 123 da estrada – ponto que centenas de petropolitanos cortam diariamente para chegar ao Rio. O estudo da PRF tem como base os trechos onde foram contabilizados os maiores número de acidentes, mortes, atropelamentos e colisões frontais. Somente no primeiro semestre deste ano foram contabilizados no trecho entre o Trevo das Missões (quilômetro 125) e o Distrito de Itaipava (quilômetro 65) 516 acidentes. No mesmo trecho foram contabilizadas 12 mortes e 130 feridos, sendo 19 em estado grave.

De acordo com o chefe do Núcleo de Policiamento e Fiscalização da PRF, Erley Molter, a maior parte dos acidentes tem como base a imprudência de motoristas e pedestres. “Temos o maior número de acidentes na Baixada, pois aquela é uma área urbana. Normalmente, os trechos urbanos são os mais críticos, por conta da movimentação de pedestres. Temos na Baixada um alto índice de acidentes envolvendo pedestres. É o trecho em que mais ocorrem atropelamentos, seja porque os pedestres atravessam a via ou porque motoristas imprudentes trafegam pelos acostamentos para escapar de engarrafamentos, o que também resulta em acidentes”, disse.
O agente da PRF frisa ainda que o número de veículos que acessam a rodovia nestes pontos também é maior, o que contribui para o aumento no número de acidentes. “Muitos motoristas que  entram na pista, na Baixada, não estão acostumados a trafegar em rodovias, e acabam provocando acidentes. Outro problema é o excesso de confiança de alguns condutores, que tendo uma rodovia em boas condições acabam sendo imprudentes e abusando da velocidade. A maior parte dos acidentes acontece em trechos de reta, com tempo seco e durante o dia”, frisa Molter.
O policial alerta que durante as festas de fim de ano, a atenção dos condutores deve ser redobrada. “Nenhuma rodovia é perigosa, o perigo está no condutor que às vezes não faz uma boa manutenção no veículo e faz manobras arriscadas, pondo em risco a sua vida e a vida de terceiros”, disse.
A Polícia Rodoviária Federal já deu início à Operação Fim de Ano. O trabalho se estende até o dia 2 de janeiro e vai restringir a circulação de veículos de grande porte na BR-040 durante as festas. A restrição será feita entre os dias 23, 25 e 30 de dezembro e primeiro de janeiro.

 

Fonte: Tribuna de Petrópolis, 21 de dezembro de 2011.



 

 

DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS