Petrópolis, 20 de Outubro de 2021.
Matérias >> Artigos
   
  Associação de Moradores: para reflexão

Data: 09/03/2014

Associação de Moradores: para reflexão

Para que serve uma associação de moradores?

Primeiro, tenho que parabenizar o Sr. Philippe Guédon, (ex-vereador, ex-secretário municipal, ex-candidato a prefeito) que fundou com um grupo de amigos a AMAI – Associação de Moradores e Amigos de Itaipava (hoje desativada), que deu início as demais.

Segundo, dizer que as associações não estão degradadas, cada uma vem trabalhando a seu modo, muitas das vezes com diretorias sem conhecimento de quando assumem passam a administrar uma empresa. Como tal tem suas obrigações (apresentação da declaração de isento do Imposto de Renda, declaração da RAIS). Como não foram orientadas pelas pessoas que administravam a “CAMPE”, “FAMPE”, “UPAMI”, “FORUM”, “UDAM”, muitas associações deixaram de existir a partir de 2006 juridicamente, pois deixaram de apresentar suas declarações.

Lembro-me bem de 1994 no Congresso da FAMPE, realizado no CIEP de Corrêas (tentaram inclusive roubar o livro da ATA da eleição) quando uma chapa foi montada com apoio de lideranças dos distritos, onde o atual Secretário de Assistência Social e o falecido e ex Coordenador da Casa dos Conselhos conseguiram ser eleitos, o primeiro como 1º vice Presidente e o segundo como Diretor de Relações Públicas (vindo do sindicato dos gráficos), foi aí que começou a degradação, não das associações de moradores, mas da entidade “mãe” que deveria trabalhar para dar apoio a suas filiadas, mas se licenciaram para ocupar cargos comissionados na Prefeitura.

A partir da eleição municipal de 2000, aí sim estas entidades passaram a ser braço políticos dos governantes, onde todos, quase sem exceção se filiaram ao partido do prefeito, calaram a boca e se esqueceram de suas filiadas. Não posso esquecer todas as lideranças dos distritos eleitos em 1994 para dirigir a FAMPE renunciaram seus mandatos em 1995.

Reativamos a UDAM – União Distrital das Associações de Moradores, que fora fundada em 1989, com intuito de agregar forças entre as AM’s dos Distritos e também para eleger “vereador”. A UDAM hoje conta com 16 associações filiadas, num total de 38 AM’s da Ponte Branca ao Distrito da Posse. Dessas 38 algumas estão totalmente paralisadas, outras estão trabalhando, são convidadas e participam das Assembleias da UDAM (toda 1º terça feira de cada mês), mas não formalizaram suas filiações.

A UDAM vem trabalhando, apresentando propostas para melhoria dos Distritos, muita das vezes sozinha nos conselhos municipais, pois os posicionamentos da UDAM nos conselhos não são de políticas partidárias, mas sim de políticas públicas. Nenhum diretor da UDAM ou familiares tem cargos no poder executivo e/ou legislativo, todos são independentes.

A UDAM nos últimos quatro anos trouxe para Petrópolis o Disque Denúncia 0300 253 1177 (convênio entre MOV RIO / UDAM), através do CCS (Conselho Comunitário de Segurança) a Operação Lei Seca (Oficio de 2012) “faremos a operação lei seca em Petrópolis quando de eventos de grande porte e periodicamente assim que o município tiver seu depósito e reboque para carros”.

No momento estamos à espera das obras em Madame Machado para a implantação do segundo Posto de Vistoria do Detran em Petrópolis. (indicação da área feita pela UDAM). Inquérito civil contra Prefeitura e INEA com relação à limpeza mecânica dos Rios Piabanha e Bomfim (desde 2011 - processo encaminhado a 4º vara civil – nº 0009683-76.2013.8.19.0042); inquérito civil 154/2013 no Ministério Público Estadual contra a Prefeitura (empreendimento imobiliário em Nogueira). A UDAM subscreveu uma carta de apoio aos moradores de Secretário, solicitando junto ao INEA e a CECA uma nova audiência pública sobre o empreendimento a ser instalado naquela comunidade.

No contexto de decadência, não podemos generalizar. Nos distritos, na maioria das Associações o “diálogo está entre iguais e não como relação de subordinação”. As associações não precisam ser reinventadas. As pessoas que as dirigem; estas sim. Sabemos que o poder do dinheiro fala mais alto, e muitas “associações” aparecem e desaparecem em anos eleitorais.

Para que serve mesmo uma associação de moradores?...

Sérgio Ramos Mattos - Presidente da UDAM – União Distrital das Associações de Moradores.

Udam.2011@yahoo.com.br            udam11.blogspot.com 




 

 

DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS