Petrópolis, 18 de Agosto de 2019.
Matérias >> IPGPar: Plano Estratégico de Petrópolis >> GT1 - Urbanismo e Infraestrutura
   
  Novos projetos para o transporte público devem ser apresentados até 22 de agosto

Data: 12/07/2019

 

Novos projetos para o transporte público devem ser apresentados até 22 de agosto

JANAINA DO CARMO - Redação Tribuna 


A Prefeitura publicou no Diário Oficial do dia 10 um aviso de chamamento público para a apresentação de projetos de mobilidade urbana. Um dos projetos que poderá ser implementado é o chamado “Metrô de Petrópolis”. O edital completo estará disponível no site da Prefeitura a partir da próxima sexta-feira (19) e a entrega dos envelopes com as propostas está prevista para acontecer no dia 22 de agosto. A abertura da “licitação” havia sido anunciada em fevereiro do ano passado, durante a 14ª Conferência Municipal de Trânsito e Transporte, no entanto, a publicação do edital só aconteceu agora.

De acordo com a Prefeitura, o projeto aprovado deverá contar com estudos de viabilidade técnica e econômico-financeira que irão compor a licitação da implantação e operação do sistema de transporte público coletivo com acionamento elétrico. A concessão do serviço será de 30 anos, podendo ser prorrogado pelo mesmo período. O chamamento público ou o Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) é a base para a apresentação do projeto do maglev (trem de levitação magnética). A implantação do novo modelo de transporte público vem sendo discutido desde 2017 na cidade e no ano passado foi apresentado ao Conselho Municipal do Trânsito (Comutran). No entanto, os conselheiros rejeitaram a proposta, alegando dúvidas.

O projeto do Maglev, que foi incluído no Plano Municipal de Mobilidade Urbana (PlanMob), prevê 11 quilômetros de extensão - sendo 4,5 km em via elevada e 6,5 km em via subterrânea) ligando o Quitandinha à Rua Teresa, no Centro. A ideia inicial era um arco imperial com 16 quilômetros, mas foram feitas alterações para evitar que as estações ficassem em áreas sujeitas à inundação. A previsão é carregar cerca de 510 passageiros a cada viagem. Além disso, o trem anda a uma velocidade média é de 60 km/h, quatro vezes mais veloz do que o trânsito urbano, que gira em torno de 12 km/h.

 



Fotos:
DADOS MUNICIPAIS
Um dos projetos em discussão é o Maglev que prevê 11km de extensão, ligando o Quitandinha à Rua Teresa


 

 

Área do Município: 795.798 km²
População estimada (2013): 297.888 habitantes (95% alfabetizada)
Densidade Demográfica (2013): 371,85 habitantes/km²
PIB (2011): R$ 9.212.328.000,00 (R$ 30.925,47 per capta)
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (2010): 0,745 (13º dentre 92 no RJ)
Fonte: IBGE
DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS