Petrópolis, 16 de Dezembro de 2017.
Matérias >> BR-040: obras da NSS
   
  CONCESSIONÁRIA PODE TER QUE CONSTRUIR E MANTER POSTOS DA POLÍCIA RODOVIÁRIA

Data: 01/02/2017

 

CONCESSIONÁRIA PODE TER QUE CONSTRUIR E MANTER POSTOS DA
POLÍCIA RODOVIÁRIA
Por: Janaina do Carmo - Tribuna de Petrópolis

 
 
Uma emenda do deputado federal Hugo Leal (PSB) que está tramitando no Congresso Nacional quer garantir investimentos em segurança para a BR 040. A proposta obriga as concessionárias das rodovias privatizadas a construírem, reformarem e realizar a manutenção dos postos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) localizados nas estradas. A medida é uma emenda a medida provisória número 752 de de 2016 que trata de investimentos para os contratos de concessões.
 
A emenda foi assunto do encontro, em Brasília, entre o deputado e o novo diretor geral da Polícia Rodoviária Federal, Renato Antônio Borges Dias, realizada na manhã de ontem (1º). “Os investimentos em infraestrutura são relevantes para o crescimento econômico e quando tratamos especificamente das rodovias, esses investimentos não podem ser dissociados da segurança pública. As concessionárias devem ser mais atuantes e serem parceiras da PRF que tem como competência constitucional o patrulhamento ostensivo das rodovias federais”, disse o deputado.
 
Hugo Leal explicou que a emenda prevê que as concessionárias construam postos da PRF em rodovias que não contam com o equipamento, e façam investimentos constantes como reforma e manutenção dos imóveis. “As restrições orçamentárias têm dificultado a atuação da PRF nessas rodovias, que normalmente são as que têm o maior volume de tráfego diário. Desta forma, com a medida proposta haverá um fluxo constante de recursos financeiros e materiais para o combate ao crime e violência no trânsito nas rodovias federais concedidas”, explicou.
 
A medida beneficia diretamente o município de Petrópolis, uma vez que de três postos da PRF na Serra de Petrópolis, apenas um está em funcionamento. E no trecho entre o pedágio de Xerém até a divisa com o estado de Minas Gerais, só há dois postos. A falta de unidades de policiamento ao longo da rodovia causam insegurança aos motoristas e geram muita reclamação por conta dos usuários.
 
“Com investimentos constantes, a polícia poderá atuar com mais qualidade,
especialmente com a utilização de novas tecnologias que possibilitarão o combate ao roubo de cargas, contrabando, tráfico de drogas e de pessoas, redução de acidentes de trânsito, além de redução de custos operacionais das concessionárias com o atendimento das vítimas, combate à fuga de pedágio e outras ações de segurança pública”, ressaltou o deputado.
 
No site da concessionária Concer, concessionária que administra a via, são apontados cinco postos e delegacias da PRF no mapa interativo da rodovia. Mas a verdade é que do Km 102, localidade próxima à Praça de Pedágio de Xerém, ao Km 0, na divisa do estado com Minas Gerais, só há dois postos da PRF ativos. Um fica no Km 22, em Três Rios, e o outro no Km 82, no Quitandinha, que é o mais próximo da Serra e só conta com apenas cinco policiais e duas viaturas.
 
O posto que havia na altura do Km 89, próximo ao Belvedere, foi demolido há dois anos, durante as obras de construção da nova pista de subida da Serra para a construção de um viaduto – embora já estivesse desativado desde o início da obra, em 2013. Inaugurado em 2006, o posto foi construído com verba do município e foi reformado e ampliado em 2013. Na ocasião, o governo federal investiu R$ 300 mil na obra de recuperação. O prédio recebeu melhorias de infraestrutura, com reinstalação da rede de água, recuperação da rede elétrica, pintura, recuperação do telhado e limpeza da área externa.
 
Outra proposta anunciada pelo deputado e apresentada ao diretor da PRF foi a realização de um concurso público específico para a Região Sudeste. “Há uma carência desses profissionais, com o concurso vamos aumentar o efetivo e garantir um policiamento ostensivo nas rodovias, em especial no trecho RioSão Paulo”, comentou Hugo Leal, acrescentando que a expectativa é que o concurso seja realizado ainda este ano.



 

 

Área do Município: 795.798 km²
População estimada (2013): 297.888 habitantes (95% alfabetizada)
Densidade Demográfica (2013): 371,85 habitantes/km²
PIB (2011): R$ 9.212.328.000,00 (R$ 30.925,47 per capta)
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (2010): 0,745 (13º dentre 92 no RJ)
Fonte: IBGE  
DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS