Petrópolis, 17 de Junho de 2019.
Matérias >> Cidade >> Notícias
   
  Escultura da águia, em frente à Câmara, sofre ação do tempo e ataque de vândalos

Data: 24/10/2013

 

Mais uma vez, a falta de cuidados com os monumentos históricos da cidade envergonha e revolta os  moradores, porque o vandalismo e a falta de manutenção estão cada vez mais frequentes. Desta vez, a escultura da águia localizada na praça em frente à Câmara Municipal mostra os efeitos corrosivos do tempo e a falta de cuidados. A equipe da tribuna já mostrou situações similares em pelo menos 7 patrimônios históricos.

A escultura da águia está com a estrutura deteriorada pela ação do tempo, e na parte de baixo do monumento a hera já tomou o local, chegando até a altura do bico da águia. Mas o que chamou a atenção mesmo foi a boca da cobra, que está sem um pedaço. “Eu sou petropolitano, nasci e fui criado aqui. Aos meus 70 anos, ver os nossos monumentos históricos sendo tratados dessa maneira, ou melhor não recebendo nenhum tipo de tratamento, me traz muita tristeza”, declarou João Mariano Rodrigues.

Para o petropolitano Roberto Ferreira, o pior desta situação é a escultura estar localizada em frente à Câmara de Vereadores. “Isso é incompreensível, como pode os vereadores da nossa cidade assistirem uma obra como essa acabar no tempo, sem tentar intervir de alguma maneira. É como se eles assistissem a cidade morrer aos poucos, sem se importar”, reclamou.

 

Sujeira no gramado da Praça da Águia surpreende pedestres

Ontem a sujeira no gramado da Praça da Águia surpreendeu os pedestres. No local, garrafas de cerveja, vinho e cachaça estavam espalhadas, principalmente ao redor do monumento histórico. Caixas e guimbas de cigarros também podiam ser vistas por toda a grama. Sem contar as embalagens de biscoitos e folders jogados dentro da fonte. 

Beatriz Fernandes de Carvalho tem apenas 14 anos e se assustou com a quantidade de sujeira no gramado da praça. “Grande parte dessa sujeira é feita pelos jovens que ficam aqui na praça na parte da noite. Eu acho legal o pessoal se reunir aqui, mas a nossa geração tem que ser mais consciente com relação à preservação ambiental e da nossa cidade também”, disse.

“Fim de semana aqui é uma loucura, sexta-feira então vem um monte de jovens para a praça e só fazem besteira. Fumam, bebem, muitas vezes se relacionam de maneira inapropriada na frente de todos. Uma vez eu vi a Polícia precisando intervir porque um casal estava passando dos limites nas carícias. Essa situação é uma vergonha e precisa acabar”, reclamou a moradora Viviane Fraga.

 




 

 

Área do Município: 795.798 km²
População estimada (2013): 297.888 habitantes (95% alfabetizada)
Densidade Demográfica (2013): 371,85 habitantes/km²
PIB (2011): R$ 9.212.328.000,00 (R$ 30.925,47 per capta)
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (2010): 0,745 (13º dentre 92 no RJ)
Fonte: IBGE
DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS