Petrópolis, 25 de Março de 2019.
Matérias >> Frente Pró-Petrópolis >> Reuniões e Eventos
   
  Frente Pró-Petrópolis discute sobre nova subida da Serra

Data: 06/08/2014

 

 

Frente Pró-Petrópolis discute sobre nova subida da Serra

Tribuna de Petrópolis, Quarta, 06 Agosto 2014 11:38

 

A construção da nova pista de subida da serra foi mais uma vez um dos assuntos discutidos durante a reunião da Frente Pró-Petrópolis (FPP), que aconteceu ontem, dia 05, na sede da regional da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan).

 

A construção da nova pista de subida da serra foi mais uma vez um dos assuntos discutidos durante a reunião da Frente Pró-Petrópolis (FPP), que aconteceu ontem na sede da regional da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan). Na ocasião foram questionadas diversas vertentes que envolvem a obra, avaliada em R$ 1 bilhão, que tem previsão para ser finalizada em meados de 2016. Os questionamentos serão levados para a audiência pública, que acontece hoje, às 13h30, na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), que aguarda a presença de representantes da Concer e do poder público municipal. Presidida pelo deputado estadual Bernardo Rossi, a audiência tem como finalidade recolher informações sobre os estudos de impacto urbano no Bingen e no Quitandinha (bairro que deixará de receber o fluxo da estrada). 

A nova pista de subida será uma alternativa para atender tanto os petropolitanos quanto turistas. 

Entre os questionamentos feitos pela FPP constam a desapropriação dos moradores do bairro Duarte da Silveira e a questão da segurança do túnel. “Queremos saber quando, como e quanto vão pagar para retirar essas famílias de lá?”, perguntou o Engenheiro Mecânico Renato Araújo. 

Além disso, a Frente procura respostas para perguntas que já foram feitas em outras ocasiões, inclusive em audiências públicas, como a apresentação de um cronograma físico-financeiro da obra, o plano de melhorias para as pistas atuais tanto de descida quanto de subida da serra, que apresentam mau estado de conservação e estão mal sinalizadas; o Estudo de Impacto Ambiental e a situação nos bairros, depois que a entrada da cidade for transferida para o bairro Duarte da Silveira. 

Outra preocupação da FPP é com relação à segurança dos motoristas que vão utilizar o túnel. A FPP  procura também dados sobre o histórico de multas aplicadas à Concer e a previsão de quando será criada a comissão tripartite. 

O problema de mobilidade urbana também é motivo de preocupação, uma vez que o trânsito da BR-040 irá desembocar dentro da cidade, passando pela Rua Bingen. “Essas mudanças estão previstas no Plano Diretor?”, questionou o coordenador da FPP Philippe Guédon. 

Para Jonny Klemperer, a nova pista de subida já é uma realidade. “Vamos ter que esperar a conclusão da obra para saber as consequências que serão geradas”, afirmou. 

Durante a reunião, os integrantes da FPP também comemoraram a ida de três representantes do poder executivo a Piracicaba. Segundo Jonny, eles foram se inteirar sobre o funcionamento do Instituto de Planejamento na cidade do interior paulista para que sirva como inspiração para a criação do Instituto Koeler de Planejamento Urbano, uma das grandes lutas da entidade. 

Ariane Nascimento
Redação Tribuna




 

 

Área do Município: 795.798 km²
População estimada (2013): 297.888 habitantes (95% alfabetizada)
Densidade Demográfica (2013): 371,85 habitantes/km²
PIB (2011): R$ 9.212.328.000,00 (R$ 30.925,47 per capta)
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (2010): 0,745 (13º dentre 92 no RJ)
Fonte: IBGE
DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS