Petrópolis, 19 de Agosto de 2019.
Matérias >> Poder Executivo Mun.
   
  Evento cobra melhorias no saneamento básico

Data: 22/11/2011

Vereador Silmar Fortes: é preciso melhorar fiscalização do saneamento. / Roque Navarro

Um dos resultados da audiência pública sobre saneamento básico, promovida pelo vereador Silmar Fortes (PMDB) na Câmara Municipal, resultou  numa reunião no dia 28 de novembro, quando os participantes vão cobrar do Governo Paulo Mustrangi o Plano Municipal de Saúde Básico. “Este plano é fundamental para que o município possa receber recursos da União para projetos em saneamento”, afirmou o vereador.
De acordo com Silmar Fortes, se o município não apresentar o plano terá dificuldades para capitalizar recursos do Governo Federal. Para o vereador, é preciso fazer uma fiscalização séria sobre os investimentos na área de saneamento básico, lembrando que hoje quem fiscaliza o Consórcio Águas do Imperador é a Comdep e ressalta que há várias comunidades sem coleta de esgoto. “É importante destacar que saneamento é qualidade de vida e isto representa a prevenção de uma série de doenças”.
Outro assunto debatido pelo vereador é com relação ao Orçamento da Saúde, que seria de R$ 183 milhões, frisando que não é tudo para investimentos, “pois esses recursos também são para o custeio”. Ele comentou que só de média e alta complexidade o Governo Federal coloca R$ 79 milhões e o governo do estado coloca R$ 18 milhões. O vereador Silmar lembrou que as UPA’s são pagas pelo estado, contribuindo com a atenção básica, além dos R$ 5 milhões para média alta complexidade.
Ainda segundo o vereador, R$ 97 milhões do orçamento são para custeio e não para investimentos e que R$ 76 milhões é o valor da folha de pagamento da saúde, ficando no final, apenas 3% dos 183 milhões para investimentos. Por causa destes valores, o vereador manifestou preocupação com a falta de recursos para implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) da Saúde. Silmar Fortes e o vereador João Tobias defendem a colocação de uma rubrica no orçamento para o PCCS da Saúde.

Fonte: Tribuna de Petrópolis, Terça-feira, 22 de novembro de 2011, página 3.




 

 

Área do Município: 795.798 km²
População estimada (2013): 297.888 habitantes (95% alfabetizada)
Densidade Demográfica (2013): 371,85 habitantes/km²
PIB (2011): R$ 9.212.328.000,00 (R$ 30.925,47 per capta)
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (2010): 0,745 (13º dentre 92 no RJ)
Fonte: IBGE
DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS