Petrópolis, 21 de Novembro de 2018.
Matérias >> Economia Solidária em Petrópolis >> Relatos
   
  UCP premia projetos da GE Celma e Aalborg

Data: 07/05/2009

UCP premia projetos da GE Celma e Aalborg

 

            As empresas Ge Celma e Aalborg foram premiadas pela Universidade Católica de Petrópolis (UCP) por seus projetos nas áreas de sustentabilidade ambiental e socieconômica. Os trabalhos desenvolvidos na região foram apresentados na noite no dia 5 de maio, no segundo dia da semana acadêmica do centro de Ciências Sociais Aplicadas da Instituição.

 

Walter Gomes, gerente de processos Químicos e Ensaios não Destrutivos da GE Celma, mostrou, com uma apresentação de 60 minutos, como a empresa trata das 600 toneladas de resíduos que produz por ano.

 

            O resíduo classificado como não perigoso (lixo comum, produtos feitos a base de celulose, sucata metálica e resíduos de peças de avião, que tem alto valor agregado) é vendido e estes recursos obtidos são revertidos para projetos sociais por meio d VOCE, organização que reúne voluntários da Celma.

 

Só no ano passado, 70 instituições foram beneficiadas com investimentos que somaram R$ 132 mil. “Nosso trabalho voluntário tem como objetivo garantir a sustentabilidade dessas instituições Se um orfanato precisa de uma cozinha nova, por exemplo, financiamos a obra e garantimos a ela condições de higiene e espaço necessário para o preparo da alimentação”, explica.

 

A empresa também doa mobiliário e computadores sem uso na empresa para montagem de mini-bibliotecas e até laboratórios de informática para utilização de quem precisa. “Geramos muito resíduo. São 1,5 mil pessoas circulando pela empresa todos os dias em três turnos de trabalho. Temos como desafio garantir que esses resíduos, que iriam para o lixo comum, aterro sanitário ou meio ambiente, sejam aproveitados de alguma forma”, justifica Walter.

 

Na empresa, até os resíduos considerados perigosos são reaproveitados. “A maior parte desse material – 98% do total gerado – é utilizado como matéria-prima para geração de energia e na composição química do cimento, em indústrias cimenteiras. O restante – 2% - é acondicionado em aterros sanitários classificados de acordo com a legislação ambiental”, esclarece.

 

Aalborg investe em coletores de pó e lavadores de gases

 

            O gerente do Departamento de Garantia de Qualidade da Aalborg Industries S.A., Casimiro Siems Gonçalves Forte, mostrou os aspectos ambientais dos produtos da empresa, o que inclui três itens classificados internamente como Produtos Verdes. “São produtos fabricados por nós que atendem à legislação ambiental. Temos a caldeira FAM, que utiliza diferentes materiais de fontes renováveis; os coletores de pó, que, colocados nos pontos de saída dos gases de queima das caldeiras, reduzem significativamente s partículas lançadas na atmosfera; e os lavadores de gases, que, também instalados nos pontos de saída dos gases, reduzem percentuais de elementos nocivos. Estão entre nossos projetos de responsabilidade social”, explica.

 

            Casimiro Forte lembrou também que o Programa de Responsabilidade Social da empresa está baseado na SA 8000, versão 2001, norma internacional que tem o objetivo melhorar as condições globais dos locais de trabalho.

 

 

Fonte: Tribuna de Petrópolis – 7 de maio de 2009.




 

 

Área do Município: 795.798 km²
População estimada (2013): 297.888 habitantes (95% alfabetizada)
Densidade Demográfica (2013): 371,85 habitantes/km²
PIB (2011): R$ 9.212.328.000,00 (R$ 30.925,47 per capta)
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (2010): 0,745 (13º dentre 92 no RJ)
Fonte: IBGE  
DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS